top of page

Meu Blog 

Autismo: O modo como uma criança usa o Ipad pode revelar se ela tem autismo?


A maneira as crianças brincam jogos com o iPad poderia revelar se elas são autistas!? Incrível mas real.

Aqueles com a condição tendem a usar mais força e gestos diferentes ao jogar em um tablet.

Um jogo simples de iPad poderia revelar se o seu filho tem autismo. Será tão fácil assim? Mas é o que uma nova pesquisa está empenhada em estudar.

Descobriu-se que a maneira em que as crianças brincam no dispositivo pode ser significativamente diferente, revelando que as crianças tendem a usar uma maior força e mover o dedo de forma diferente.

"Isso é potencialmente um grande avanço para a identificação precoce de autismo, porque não são necessários testes de estresse e caros feitos por médicos", comenta o Dr. Jonathan Delafield-Butt, da Universidade de Strathclyde.

Em um tablet, os pesquisadores observaram as crianças com autismo usando jogos, e foram capazes de medir os seus movimentos e gestos. O que eles observaram é que além de usarem mais força no manejo do Tablet, também os seus movimentos apresentaram um padrão com uma distribuição diferente do que aquelas crianças que se desenvolvem normalmente.

O estudo, que foi publicado nada menos que na revista do grupo Nature Reports Scientific, revelou que com o mínimo de instruções e em um ambiente natural, se conseguiu testar e identificar padrões motores específicos para o autismo durante um jogo infantil de Ipad. Os peritos adicionaram um código especial para dois jogos infantis disponíveis no mercado, para que eles capturassem os dados do sensor e touch-screen .

O primeiro jogo exigia que as crianças dividissem um pedaço de comida e o compartilhassem

O segundo jogo focado em criatividade , em que as crianças deveriam colocar cordentro de um cortorno de um objeto.

Anna Anzulewicz, diretora de pesquisa da Harimata, disse: "O nosso objetivo foi desenvolver um teste que seria intuitivo, rápido, divertido e envolvente para as crianças"

Durante o estudo, os investigadores examinaram dados de movimento recolhidos a partir de 37 crianças com autismo, com idades entre três a seis anos e 45 crianças sem o transtorno que vão desde as idades de quatro a sete ".

O estudo fez com precisão de até 93% a análise da aprendizagem automática de padrões motores das crianças autismo. Essa análise revelou que esses padrões consistiam em uso de forças maiores de contato e com uma distribuição diferente dentro de um gesto. A análise cinemática revelou que estes movimentos foram mais rápidos e maiores, com uma utilização mais distal do espaço.

Estes dados demonstram que há alteração da noção da distribuição de movimento e que ela é uma característica fundamental do autismo.

Creio que essa avaliação do padrão motor diferenciado poderá futuramente, não só ser útil em avaliações diagnósticas, como poderá render um campo fértil para a terapia física e psicomotora.

Toward the Autism Motor Signature: Gesture patterns during smart tablet gameplay identify children with autism. Anna Anzulewicz, Krzysztof Sobota & Jonathan T. Delafield-Butt - Scientific Reports 6, Article number: 31107 - 2016. Nature Research Journal

Destaques
Destaque
bottom of page